Lição 3 - Os primeiros passos de Paulo

Escola Dominical, Classe: Adolescentes – 3° trimestre de 2022 - CPAD

LEITURA B√ćBLICA

G√°latas 1.15-24

MENSAGEM

“Depois Barnab√© foi at√© a cidade de Tarso a fim de buscar Saulo. Quando o encontrou, ele o levou para Antioquia. Eles se reuniram durante um ano com a gente daquela igreja e ensinaram muitas pessoas.” Atos 11.25,26a

DEVOCIONAL

Segunda » 2 Tm 1.1, 2

Ter√ßa » Rm 1.1

Quarta » Lc 9.23

Quinta » 2 Co 5.17-19

Sexta » Ef 2.17-22

S√°bado » Fp 3.7-14

Vamos Descobrir

A vida de Paulo mudou radicalmente depois que ele se encontrou com Jesus. Os primeiros anos de seu ministério foram dedicados ao amadurecimento espiritual e ao ajuste de caráter. Isso foi essencial para que ele pudesse cumprir seu chamado de pregar sobre Jesus para qualquer pessoa, judia ou não judia. Dificuldades surgiram desde o início da trajetória do apóstolo. Isso, porém, não o atrapalhou; ele foi um líder guiado pelo Espírito Santo. Vamos aprender o que aconteceu com Paulo depois que saiu de Damasco?!

Hora de Aprender

Não há muitos detalhes sobre o que Paulo fez depois do seu encontro com Jesus na estrada para Damasco até o dia em que Barnabé o buscou em Tarso. Pelo registro bíblico, sabemos que ele pregou o Evangelho, sofreu ameaças de morte, fugiu de uma cidade para outra, fez novos amigos e aproximou-se mais de Deus.


I- A TRAJET√ďRIA INICIAL DE PAULO

Depois do batismo em águas, Paulo permaneceu na cidade por algum tempo e anunciou nas sinagogas que Jesus era o Filho de Deus. Alguns judeus não receberam bem essa mensagem, por isso, planejaram matá-lo (At 9.22-25). Porém, outras pessoas aceitaram a pregação e ajudaram Paulo a escapar dos opositores, dentro de um cesto, por meio de uma abertura da muralha de Damasco (2 Co 11.32, 33).

 

Combinando as informa√ß√Ķes do livro de Atos com a Carta aos G√°latas, sabemos que Paulo passou um tempo na Ar√°bia, os chamados “anos ocultos ou silenciosos”, e voltou a Damasco depois, ficando por mais tr√™s anos (Gl 1.15-18). O que Paulo fez ali? A B√≠blia n√£o d√° detalhes.

 

Os especialistas em pesquisa bíblica, no entanto, sugerem que ele pode ter aprendido a profissão de fazer barracas, ter iniciado seu ministério entre os gentios, ou se dedicado ao estudo das Escrituras Sagradas, ou ainda analisado o significado da Lei, a fim de entender o cumprimento das profecias sobre o Messias em Jesus.

 

Depois dos anos em Damasco, Paulo foi a Jerusalém e teve um contato rápido com os discípulos de Jesus. Ele menciona que falou com Pedro e Tiago (Gl 1.18,19). Em Jerusalém, a igreja conhecia o Saulo perseguidor, então ficaram desconfiados dele. Por isso, Barnabé apresentou aos apóstolos o Paulo transformado por Jesus.

 

O entusiasmo do Apóstolo era grande, e ele pregava as Boas-Novas por toda a cidade. E, mais uma vez, ele encontrou resistência por aqueles que não aceitavam Jesus como o Messias. Assim, os irmãos, que haviam aprendido a amar Paulo, ajudaram-no escapar para Cesaréia (At 9.30).

 

Algum tempo depois, Barnab√© buscou Paulo em Tarso, para juntos trabalharem em Antioquia da S√≠ria (At 11.26). Isso porque a igreja ali cresceu e precisava de Lideran√ßa. Antioquia da S√≠ria era uma grande e importante cidade romana. Eram muitos os seguidores de Jesus naquele lugar. L√° foi onde “pela primeira vez, os seguidores de Jesus foram chamados de crist√£os” (At 11.26).

II - O AMADURECIMENTO ESPIRITUAL DE PAULO

Como explicar os anos de sil√™ncio depois das amea√ßas e fugas? Por um Lado, Paulo experimentou uma tremenda transforma√ß√£o na sua vida ao encontrar Jesus. Ele era uma nova pessoa, porque “quem est√° unido com Cristo √© uma nova pessoa; acabou-se o que era velho, e j√° chegou o que √© novo” (2 Co 5.17). √Č poss√≠vel, ent√£o, que ele tenha dedicado um tempo para refazer sua vida, procurar um novo trabalho, cuidar das emo√ß√Ķes e moldar sua personalidade conforme os ensinos de Jesus.

 

Por outro lado, quando Barnabé o chamou para ir à Antioquia, Paulo estava preparado para acompanhá-lo e ser um líder, isso parece sinalizar que, durante esse tempo, Paulo estava se capacitando para exercer seu chamado de maneira apropriada, estudando as Escrituras, orando e jejuando.

 

O Espírito Santo estava com ele, guiando sua trajetória. Qualquer que tenha sido a razão pela falta de detalhes, sabemos que esse período era parte dos planos de Deus, pois no tempo certo Paulo estava amadurecido.

III - A MENSAGEM QUE INCOMODA

O entusiasmo e a dedicação que Paulo tinha para rastrear e ameaçar os discípulos foram direcionados para a pregação do Evangelho. Porém, mesmo com sua dedicação, alguns judeus não aceitaram o Evangelho de Jesus. Você já se perguntou o por quê?

 

O povo de Israel aguardava a vinda do Messias, porque os profetas haviam recebido essa mensagem, e as profecias estavam registradas nas Escrituras Sagradas. Durante o tempo que viveu na Terra entre os humanos (Jo 1.14), Jesus declarou que Ele era o cumprimento dessas profecias (Mt 5.17) e mostrou que Ele era o Filho de Deus (Mt 16.16,17). Quando Ele morreu e ressuscitou, n√£o deveriam restar d√ļvidas de que Jesus falou a verdade.

 

Mas, você acredita que alguns judeus não aceitaram que Jesus era Deus? E não só rejeitaram Jesus, o Messias, como também negaram a ressurreição? Por isso, acusavam de blasfêmia aquelas pessoas que pregavam essa mensagem. Blasfêmia é palavra ofensiva ou insulto contra alguém. Os perseguidores de Paulo não tinham o coração aberto para que o Espírito Santo mostrasse que Jesus era o Salvador.

 

Você tem encontrado alguma resistência quando conta as suas experiências com Jesus? Não esqueça que nosso dever é falar de Jesus para as pessoas, mas é o Espírito Santo que as convence do pecado (Jo 16.7,8). Então, não desanime! Continue contando que Deus é bom e misericordioso.

CONCLUSÃO

A caminhada com Cristo come√ßa quando reconhecemos que Ele √© o Salvador e entregamos nossa vida a Jesus. Com o Ap√≥stolo Paulo n√£o foi diferente. Ele encontrou com o Messias e se sujeitou totalmente a Jesus. Seus primeiros anos como crist√£o foram marcados por prega√ß√Ķes, prova√ß√Ķes e amadurecimento da f√©.

Pense Nisso

Mesmo sendo adolescente, é possível se dedicar ao crescimento espiritual. Reserve um tempo a sós com Deus para orar, estudar a Palavra de Deus e refletir sobre seu próprio comportamento. Esteja também envolvido nas atividades da igreja, para que você aprenda amar e servir aos irmãos, louvar e orar com eles.


CURSOS B√ćBLICOS PARA VOC√ä:

1) CURSO B√ĀSICO EM TEOLOGIA Clique Aqui
2) CURSO M√ČDIO EM TEOLOGIAClique Aqui
3) Forma√ß√£o de Professores da Escola Dominical Clique Aqui
5) CURSO OBREIRO APROVADO - Clique Aqui


Matricule-se j√° ! 

Share: